CUIDADOS COM A MASTITE

Mastite

 

A mastite ou infecção do úbere é um problema comum nas explorações leiteiras. A mastite pode ser crónica ou aguda. Sintomas da mastite aguda são: leite de consistência anormal com grumos, de cor diferente, aguado e com um mau cheiro. A área infectada do úbere fica dolorosa, dura e, às vezes, inchada e avermelhada. A ordenha da vaca infectada é difícil e a sua produção leiteira fica diminuída. A infecção ocorre, na maioria das vezes, mesmo após a ordenha quando a teta ainda está aberta de modo que as bactérias podem entrar facilmente.

Figura 12: Para descobrir precocemente um caso de mastite crónica será útil empregar uma caneca de fundo preto para teste de mastite, no qual se recolhe o primeiro leite. Ao ordenhar uma vaca que sofre de mastite crónica, os primeiros jorros de leite são aguados e contêm grumos miúdos.
Tentar prevenir a mastite através das seguintes medidas:
 Manter a higiene do ordenhador , do edifício, do equipamento e do gado é sempre muito importante.
 Os ordenhadores devem usar vestuário limpo, lavar as mãos e manter as unhas aparadas.
Manter os úberes tão limpos quanto for possível tosquiando-os e
fornecendo uma cama limpa no estábulo do gado.
Se o úbere não estiver muito sujo, utilizar mesmo um pano seco
para remover qualquer sujidade solta.
Se for necessário empregar água para a limpeza do úbere, acrescentar um desinfetante ligeiro, mudar frequentemente a água e os vestuários
e secar bem os úberes, preferivelmente com toalhas de papel.
Após a ordenha, desinfetar as tetas através dum mergulho ou com
um spray.
Alimentar as vacas depois da ordenha de modo que não se deitem
durante a primeira hora após serem mungidas.
Nas explorações agropecuárias que se vêem enfrentadas com graves problemas de mastite pode-se aplicar um antibiótico com efeitos duradouros para tratar todos os quartos durante o período de secagem do gado.
Se uma vaca tiver mastite, deve-se:
Ordenhar e aplicar massagens na parte infectada tanto quanto possível, por exemplo cada duas horas. Também será útil lavar o úbere alternadamente com água quente e água fria e aplicar massagens
com uma pomada.
Consultar um funcionário veterinário e aplicar antibióticos na área
infectada. O leite das vacas tratadas não deve ser consumido!
Ordenhar os animais infectados como últimos e enterrar o leite infectado.
Limpar, meticulosamente, as mãos depois de ordenhar o quarto
infectado do úbere.
Levar a cabo uma inspeção meticulosa das demais vacas para verificar se há sintomas de mastite, com uso de uma caneca de fundo preto para teste de mastite.
Selecionar as vacas com mastite crónica ou incurável para retirá-las do rebanho.


Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
close-alt close collapse comment ellipsis expand gallery heart lock menu next pinned previous reply search share star